Projeto de Iluminação

Projeto de iluminação: O que é e qual a importância?

Em qualquer projeto de arquitetura e design de interiores é necessário levar em consideração uma infinidade de elementos para que o espaço planejado seja totalmente funcional, confortável e prático. Com a iluminação não é diferente a iluminação é um fator importante em todos os projetos e não deve ser negligenciada e é para isso que o projeto luminotécnico é tão importante.

Ao longo do dia em todos os espaços utilizamos diferentes tipos de iluminação para cada tarefa que realizamos no dia a dia e por menor que seja, a iluminação é um elemento importante que influencia não só nas nossas atividades, mas também no ambiente, humor e qualidade de vida. Assim é o que sugere a iluminação centrada no ser humano com a reprodução da Iluminação do Ritmo Circadiano e também a Neuroarquitetura que também tem o ser humano como o centro da questão e reforçando a ideia de uma forma inteligente de criar ambientes mais humanizados.

O projeto luminotécnico é uma das principais características de qualquer projeto residencial e comercial que pode mudar drasticamente sua atmosfera e aparência. Com um planejamento inteligente e a escolha certa da luz para cada cômodo ou espaço do projeto, torna-se possível criar o ambiente perfeito que agrega valor e estilo. É aqui que os designers de iluminação entram em ação com sua ampla gama de habilidades criativas, conhecimento técnico e aplicação de sistemas de iluminação e Automação de Iluminação.

Com a iluminação, cada espaço deve ser considerado de diferentes pontos de vista, desde o estilo da luz a ser escolhido até os efeitos que a luminária pode criar. Selecionar o tipo certo de luz é um aspecto fundamental para projetar um recurso confortável e prático em todos os cômodos.

O que é projeto de iluminação?

O projeto de iluminação é um processo que faz parte de qualquer projeto de arquitetura e design de interiores, onde o designer deve conhecer todos os aspectos importantes da iluminação que podem influenciar um espaço.

Trata-se de considerar fatores como o tipo de espaço, as cores das paredes, pisos, moveis, decorações entre outros aspectos presentes no projeto de arquitetura e design para então começar a elaborar o projeto de iluminação considerando todos esses elementos que estarão presentes nos ambientes. Além disso, para um projeto de iluminação bem-sucedido e eficaz deve-se levar em consideração também todos os possíveis usos do espaço, bem como quaisquer recursos ou itens dentro dele que devam ser destacados e acentuados como obras de artes e moveis.

Determinar a quantidade de luz necessária no espaço é algo que um designer experiente considerará junto com a quantidade de luz natural que entra nos ambientes. A luz natural tem um papel vital a desempenhar no ambiente geral e na sensação de um espaço e nunca deve ser negligenciada ao projetar um projeto de iluminação. Designers de iluminação talentosos, sabem que as fontes de luz natural são, na verdade, o melhor ponto de partida ao criar um esquema que funcionará perfeitamente para criar os efeitos desejados, juntamente com uma iluminação ambiente inteligente para a luz ambiente perfeita.

Após essas considerações com a análise e alinhamento específico do conceito dos espaços, a escolha das luminárias e elementos de iluminação são escolhidos junto ao cliente, pois nesta etapa os proprietários podem se assim quiserem escolher entre as infinitas possibilidades e tipos de luminárias, lustres, pendentes, sancas, e cortineiros claro que bem direcionados para que as diretrizes do projeto de iluminação sejam atendidas.

Automação Residencial no Projeto de Iluminação

Hoje temos um recurso a mais quando o assunto é projeto de iluminação, uma das características das iluminações de led hoje é a possibilidade de dimerização, ou seja, controlar a intensidade em que a iluminação de um ambiente específico irá trabalhar para obter o cenário ideal. Este é um recurso que já existe a muito tem, porem a forma de operação que temos hoje disponível com a Automação de Iluminação é muito mais prática e viável já que é possível controlar a intensidade de forma mais precisa. Além deste recurso temos também a possibilidade de planejar a iluminação de um mesmo ambiente com diversas cenas de automação para que um mesmo espaço se adapte às diferentes necessidades que as pessoas têm ao longo do dia. Por exemplo:

Cena Jantar: onde a iluminação pode ser pré-configurada para atuar com menos intensidade em alguns pontos, trazendo um clima ideal para a ocasião.

Cena Relaxar: Aonde parte da iluminação geral se desliga ou fica em intensidade baixa e uma luz de realce é acionada para um clima relaxante.

Com a automação da iluminação também é possível utilizar o controle automático da iluminação que simula o ritmo circadiano que irá controlar a iluminação artificial com a temperatura e intensidade do ciclo natural da luz conforme o dia, esse é o conceito da iluminação centrada no ser humano ou biodinâmico. Esses tipos de sistemas de iluminação inteligentes gradualmente, ciclicamente, mudam a cor da luz para revigorar ou relaxar conforme necessário.

Outra vantagem que a Automação Residencial traz são os Interruptores Inteligentes Keypads, são teclas de conveniência que substituem os interruptores convencionais, muito comuns em casas de alto padrão, pois além de reduzir drasticamente o número de interruptores necessários para atender um ambiente possuem modelos com design arquitetônico elegante minimalista e com lindos acabamentos que adicionam luxo e requinte que estão presentes na grande maioria dos projetos de alto padrão.

Os interruptores inteligentes não se limitam somente ao controle da iluminação, com eles é possível controlar todos os sistemas presentes na Automação Residencial, como persianas, ar-condicionado, Sistemas de Som Ambiente e equipamentos de Áudio e Vídeo.

Quem faz o Projeto de iluminação?

O profissional especializado para elaborar um projeto de iluminação é o Lighting Designer ou o Arquiteto. Trata-se de um profissional que conhece profundamente a iluminação, mas também, em certa medida, a decoração, o design de interiores e a arquitetura.

O Lighting Designer é um perfil que trabalha em conjunto com o designer ou arquiteto para traduzir, através de seus conhecimentos em iluminação, as ideias e os espaços que eles têm em mente.

Outra equipe que deve estar alinhada com o Lighting Designer é a Empresa de Automação Residencial que irá entender quais são os requisitos de cada projeto para planejar em conjunto, quais os circuitos de iluminação devem ser automatizados, quais são dimerizável e planejar as cenas presentes em cada ambiente

Na Acatar Automação contamos com profissionais com amplo conhecimento sobre todos os aspectos que devem ser considerados na concepção luminotécnica de um projeto. Podemos aconselhá-lo e traduzir cada uma das suas ideias em qualquer espaço, conseguindo sempre o melhor conforto e funcionalidade de um projeto de arquitetura ou design de interiores.

Precisa de umProjeto de Iluminação?

Converse com nossos especialistas

Leia Também


O que éAutomação Residencial

O que é Automação Residencial?

Automação Residencial é o uso de um conjunto de equipamentos instalados na residência que torna automática determinadas atividades...

Continue Lendo
Automação Residencial Preço

Automação Residencial Preço

Em média uma empresa certificada costuma cobrar um preço inicial de R$ 8.000 para automatizar residências...

Continue Lendo
Equipamentos para Automação Residencial

Qual melhor Tela de Projeção?

Equipamento de automação residencial são dispositivos inteligentes que fazem parte de um sistema central que comumente...

Continue Lendo